segunda-feira, 1 de junho de 2009

Amor maior do mundo


29.6.08
Hoje é dia 29 de junho de 2008. Neste mesmo dia, no ano passado, vivi o momento mais doloroso da minha vida, que foi ver minha mãe morrer. Vi meu maior pesadelo se tornar realidade. Foi um fim de vida sofrido, e uma vida inteira mais sofrida ainda. Queria poder prestar a mais linda das homenagens à pessoa mais importante da minha vida.

Então, resolvi escrever para você, mãe.

Gostaria de acreditar que, em algum lugar, você vai estar lendo sobre as coisas que a gente gostava, que a gente viveu.

Hoje, estou muito emocionada e com muita saudade. Não sei bem o que escrever. Tudo o que eu fizer, vai ser pouco para retribuir por tudo o que recebi de você. Sonho com você todas as noites. E todo os dias acordo confusa, pensando em contar o que eu sonhei, mas você não está mais aqui. Aí, vem aquela sensação de vazio. Só o tempo vai amenizar a sua falta. E a dor de saber que nunca mais iremos nos ver. Não acredito em vida após a morte. E, enquanto eu viver, você vai morar no meu coração. Meu amor maior e mais importante. Pra sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário